V Colóquio Internacional

A Medicina na Era da Informação

 

Patronos*:
Professor Doutor Daniel dos Santos Pinto Serrão (Portugal);
Professor Doutor Edivaldo Machado Boaventura (Brasil).
In Memoriam.

A Universidade Federal da Bahia (UFBA) e a Universidade do Porto (U.Porto) – Portugal, promovem o V COLÓQUIO INTERNACIONAL A MEDICINA NA ERA DA INFORMAÇÃO (V MEDINFOR VINTE VINTE), o qual será realizado, VIRTUALentre os dias 13 e 17 de setembro de 2020 na Universidade Federal da Bahia. O Colóquio tem na presidência a Profª Drª Zeny Duarte (UFBA) e o Prof. Dr. Armando Malheiro da Silva (U.Porto), na presidência de honra a Profª Drª Fernanda Ribeiro (U.Porto) e na vice-presidência a Profª Drª Bárbara Coelho Neves (UFBA). A comissão organizadora do V MEDINFOR VINTE VINTE mantém nível de excelência de pesquisadores e cientistas de ambas as Universidades, na linha de frente da edição do mencionado Colóquio, inaugurado em Salvador nos dias 22, 23, 24, 25  de julho de 2008.

Caderno de Resumos do Primeiro MEDINFOR:  https://pt.calameo.com/books/0036874778c43bb349b4c

Livro-Coletânea do Primeiro MEDINFOR: https://repositorio.ufba.br/ri/bitstream/ufba/160/4/A%20medicina%20na%20era%20da%20informacao.pdf

O citado Colóquio nasceu de uma das ações do pós-doutorado da Profª Drª Zeny Duarte de Miranda, sob a supervisão do Prof. Armando Malheiro e apoio da Profª Fernanda Ribeiro, ambos os professores da U.Porto, lançado nas comemorações do bicentenário da fundação da Faculdade de Medicina da Bahia, primeira do Brasil.

“A transferência do trono português para o Brasil, em 1808, foi um dos acontecimentos mais destacados da história colonial brasileira. O pouco tempo que D. João VI e a família real permaneceram na Bahia, um mês e dois dias, foi o suficiente para que se registrassem alguns fatos de relevância nacional. Após abrir os portos do Brasil às nações amigas de Portugal, D. João VI assinou, em 18 de fevereiro de 1808, o documento que mandou criar a Escola de Cirurgia da Bahia, no antigo Hospital Real Militar da Cidade do Salvador, que ocupava o prédio do Colégio dos Jesuítas, construído em 1553, no Terreiro de Jesus”. http://www.fameb.ufba.br/institucional/historico

 Organizado a partir de convênio de cooperação internacional celebrado entre a U.Porto e a UFBA, com a participação de professores e pesquisadores de renome, de diversos países, da Ciência da Informação, Ciências da Saúde, Ciências da Computação, Memória, Identidade, Cultura e demais áreas das Ciências Sociais e Humanas, relacionados aos temas do MEDINFOR VIRTUAL. Para além dessa maestria, segue um comitê científico internacional que garante a qualidade das contribuições.

Com esse encontro internacional, as citadas Universidades, e outras instituições parceiras e convidadas, estarão consolidando, pela quinta vez, mais um espaço abrangente de reflexões teórica, epistemológica, técnica, prática, metodológica, ética no âmbito da interdisciplinaridade objetivando a construção de saberes nos campos de conhecimento da informação, saúde, das tecnologias e das humanidades. Nesse contexto, tão bem discutido nas edições anteriores do MEDINFOR, neste ano marcado pela pandemia, como contribuição à sociedade e ao mundo, o Colóquio incluirá em seu escopo a Informação e a Saúde em Tempos da COVID-19 (um plus, um diferencial). O MEDINFOR, em seu original escopo, enriquece ainda mais as suas edições com a Sessão de Homenagens a destacadas personalidades acadêmicas e científicas, atuantes das áreas da Ciência da Informação, Medicina, Memória, Identidade e Cultura.

Nesta quinta edição, o MEDINFOR inaugura um formato altamente inovador e pertinente para este momento da Pandemia do Coronavírus – COVID-19. Inclui duas novas sessões temáticas, com palestras de pesquisadores seniores do Brasil e de outros países: Coronavírus – COVID-19: Informação e Saúde, com a nova sessão de comunicações A incumbência da informação na prestabilidade da saúde pública e privada em tempos de pandemias; Plataformas Digitais (Redes e sistemas de informação de saúde, e com a nova sessão de comunicações Práticas estruturadas de informação em redes e sistemas.

Inclui também a realização de um webinar com as seguintes temáticas: I – Contribuições de uma rede acadêmica de telemedicina em tempos de pandemia; II – Telessaúde como estratégia para informar e cuidar: relato de experiências do Hospital Universitário Professor Edgard Santos; III – Pós-graduação em rede – quando a cooperação acadêmica utiliza recursos de comunicação e informação para multiplicar possibilidades, com palestras de pesquisadores experts e representantes da Associação Brasileira de Telemedicina e Telessaúde, da Rede Universitária de Telemedicina / RNP, do Hospital Universitário Professor Edgard Santos – UFBA e da Faculdade de Farmácia – UFBA. Cinco sessões temáticas com apresentação de palestras de convidados do Brasil, de outros Estados e de outros Países; 5 sessões de comunicações livres aprovadas pela comissão científica do evento. Conferências de abertura e encerramento com apresentações de excelência de insignes da Bahia e de Portugal.

Assim programado, o V MEDINFOR VINTE VINTE, VIRTUAL, objetiva provocar reflexões em torno de questões pulsantes e atualizadas, dispostas aos participantes, numa ambiência de intercâmbio de saberes entre ciências aparentemente díspares, e de realidades de diversificados países.

Education Resources